Além disso

Por que apareceram manchas nas folhas, raízes e flores da orquídea? Tratamento e prevenção

Por que apareceram manchas nas folhas, raízes e flores da orquídea? Tratamento e prevenção


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Há um número incrível de orquídeas - mais de 25 mil espécies. Uma flor luxuosa é frequentemente dada para as festas de fim de ano ou comprada sozinha - na esperança de que a orquídea se delicie com a floração por muitos meses.

Mas sem atenção, a flor caprichosa perde o atrativo e morre rapidamente, já que a orquídea é suscetível a um grande número de doenças. A manifestação externa da doença costuma ser a presença de manchas nas folhas de diferentes cores, formas e tipos.

Manchas nas folhas

As manchas encontradas na beleza caprichosa podem ter uma cor diferente, ser ambas secas, com bordas aveludadas, e úmidas. Em algumas doenças, as folhas ficam cobertas de pontos pegajosos ou mesmo fofos.

Por que isso está acontecendo?

Existem muitas razões para a formação de tais defeitos nas folhas - desde a requeima até a falta ou excesso de umidade e nutrientes. Na maioria das vezes, o aparecimento de pontos e marcas feias indica que a flor foi danificada por uma infecção bacteriana ou fungo.

Qual é a sua aparência e o que fazer com eles: fotos e recursos de tratamento

Pela cor e forma das manchas, você pode determinar quais problemas a flor tem, se é possível resolvê-los com uma mudança de cuidados ou se é necessário um tratamento sério.

Preto


O problema mais comum com as orquídeas é o aparecimento de pontos pretos nas folhas, que crescem com o tempo e se transformam em manchas visíveis.

  • Basicamente, um problema semelhante indica que a flor desenvolve a requeima. - uma das doenças mais perigosas das orquídeas.

    É fácil reconhecer esta doença em particular - no início do desenvolvimento, as manchas têm uma tonalidade roxa e depois tornam-se pretas. Assim que aparecerem os primeiros pontos, medidas urgentes devem ser tomadas, caso contrário, a flor morrerá em alguns meses. Na maioria das vezes, a doença aparece devido à rega abundante e excessiva - assim que a rega é reduzida, a doença para de se desenvolver.

  • Falhas pretas aparecem nas folhas também com uma infecção fúngica da planta. Ao mesmo tempo, a princípio o dano lembra uma queimadura de sol, mas depois aumenta, o fungo danifica não só as folhas, mas também o sistema radicular, e a planta morre.

    Se o fungo apenas começou a se desenvolver, é necessário:

    1. Limpe as folhas duas vezes ao dia com uma solução muito fraca de bicarbonato de sódio natural (uma colher de chá em meio litro de água morna). O ambiente alcalino mata o fungo. A rega durante o tratamento deve ser reduzida ao mínimo, a pulverização deve ser temporariamente excluída.
    2. Além disso, o solo deve ser umedecido pela adição de Fitosporina à água - 1 g por 2 litros. água morna.

Branco


Se as folhas de uma flor estão cobertas com uma flor branca e fofa, isso é um fungo, que é chamado de oídio. À medida que a doença progride, as folhas começam a amarelar e depois morrem.

O patógeno aparece devido à alta umidade na sala, ventilação insuficiente e altas temperaturas.

O que precisa ser feito no início do desenvolvimento da doença:

  1. Reduza a rega e a pulverização.
  2. Limpe a área afetada com uma solução fraca de refrigerante, uma solução de Fitosporin ou Fundazol.
  3. Polvilhe o solo com carvão ativado triturado.

Na maioria das vezes, essas medidas são suficientes para que a planta se recupere e a doença tenha diminuído. Durante o tratamento, a planta deve ser isolada de outras flores caseiras para que a doença não se espalhe para elas. Uma orquídea doente precisa fornecer um local claro, mas sem luz solar direta, com bom acesso ao ar fresco.

Castanho


Manchas marrons secas nas bordas das folhas indicam que o ambiente está muito úmido. As manchas das bordas espalham-se gradualmente por toda a folha, as folhas escurecem e morrem. Quando você muda a orquídea para um cômodo mais adequado, o problema desaparece em algumas semanas.

Referência. A causa mais comum e mais séria de manchas marrons em uma flor é a podridão bacteriana (marrom).

A doença geralmente começa na raiz e, se passar despercebida, se espalha para as folhas. No início do desenvolvimento da doença, as pontas são pequenas, aumentam e cobrem toda a folha.

O que fazer neste caso:

  1. Corte todas as partes danificadas das folhas com uma tesoura embebida em uma solução de refrigerante.
  2. Trate o corte com um fungicida.
  3. Pulverize o solo com solução de Fitosporin e polvilhe com carvão moído.

Futuramente, ajuste a rega - não alague a orquídea e evite que a água fique estagnada nas raízes e bases das folhas, pois junto com o ar quente da sala cria um ambiente favorável ao desenvolvimento da podridão.

Molhado

Freqüentemente, as bordas das manchas - marrons ou pretas - ficam úmidas ou viscosas.

  • Isso é quase garantido para indicar a fase ativa do desenvolvimento de uma infecção fúngica ou bacteriana.

    Para prevenir o desenvolvimento da doença, as folhas danificadas ou suas seções são cortadas com uma faca afiada desinfetada ou tesoura, as bordas são pulverizadas com carvão triturado.

  • Manchas claras úmidas (brancas) com pontos mais brilhantes dentro, com uma borda escura nas bordas indicam uma queimadura - sol ou calor.

    Esses danos ocorrem tanto com a exposição direta ao sol, ou quando a flor fica perto do radiador e durante a estação de aquecimento as folhas entram em contato com uma superfície quente.

    Nesse caso, vale a pena deslocar a flor para um local mais adequado e simplesmente retirar as folhas danificadas - para dar à orquídea um aspecto decorativo.

Prevenção da aparência

Infecções fúngicas ou bacterianas podem ser evitadas - para isso, as orquídeas precisam criar boas condições de crescimento e floração. Plantas saudáveis ​​e robustas são capazes de resistir a doenças e o risco de infecção é drasticamente reduzido.

A planta requer:

  • boa iluminação, mas não excessiva;
  • pulverização regular;
  • curativo superior.

Que condições devem ser atendidas para que a orquídea esteja sadia e florida?

  1. Iluminação. As orquídeas são plantas que gostam de luz, não é fácil criar as condições ideais para o crescimento e a floração em um apartamento. A planta precisa de luz solar - caso contrário, não haverá flores. Mas quando exposto à luz solar direta, aparecem queimaduras nas folhas, danos e aumenta o risco de infecção. Portanto, é ideal dar à flor uma iluminação difusa uniforme (por exemplo, através de um tule de luz) ao longo do dia, e pendurar uma cortina mais densa ao meio-dia no verão.
  2. Umidade deve estar estritamente dentro da faixa de 60-70%. Se o ar estiver muito seco - ou seja, a umidade é inferior a 50% por muito tempo - as defesas da flor caem, as folhas ressecam, enfraquecem. Em alta umidade (acima de 80%), o risco de desenvolver doenças fúngicas aumenta.
  3. Temperatura interna. As orquídeas não toleram frio ou calor. Se a temperatura cair abaixo de 15 graus, a planta enfraquece, torna-se letárgica, aumenta o risco de infecção. Em dias quentes, especialmente com sol forte, as folhas secam e também se tornam vulneráveis ​​a fungos ou infecções virais. Portanto, no calor - acima de 28-30 graus - a orquídea precisa ser sombreada ou transferida para uma sala mais fria.

Importante! Não negligencie as soluções nutritivas especiais para orquídeas - elas fornecem à planta não apenas um verde brilhante e belas flores, mas também proteção contra doenças.

Manchas marrom-escuras nas flores ou raízes: como evitar?

A podridão parda é perigosa porque se espalha rapidamente das folhas - às vezes em apenas alguns dias - para flores e raízes. Para evitar a morte da flor, é necessário remover imediatamente as folhas danificadas ou suas partes, e borrifar o caule e o solo com fitosporina.

No futuro, evite alagar o substrato, borrife suavemente as folhas para que a umidade não permaneça na base do caule e sombreie as plantas durante o calor do verão.

Como qualquer doença manchas em folhas de orquídea são mais fáceis de prevenir do que curar. Fornecer condições ideais de crescimento impedirá que um vírus ou fungo se estabeleça na planta. Mas se aparecerem manchas, é importante começar o tratamento na hora certa.

A poda das folhas danificadas, o tratamento com fitosporina, a redução da rega e a regulação da temperatura da divisão curam rapidamente a flor e evitam a propagação da doença para o caule e as raízes.


Assista o vídeo: Phalaenopsis na água, resultados maravilhosos11082020 (Setembro 2022).


Comentários:

  1. Zulule

    Eu sou muito grato a você. Muito obrigado.

  2. Sargent

    Que palavras necessárias... super, uma frase magnífica

  3. Junien

    Na minha opinião, você está no caminho errado.

  4. Arashisida

    Você mente pytlivy :)

  5. Nash

    Adorable phrase

  6. Scanlon

    Não tente imediatamente

  7. Rune

    Você está absolutamente certo. Há algo sobre isso, e acho que é uma boa ideia.



Escreve uma mensagem