Plantas de apartamentos

Composição orquídea

Composição orquídea



We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

A orquídea


Se forem usadas flores reais de orquídeas, elas devem ser colocadas em um local protegido da luz solar direta e de possíveis traumas, porque folhas e pétalas são extremamente frágeis. A planta é nativa da Ásia e está disponível em várias variantes. As pétalas brancas têm a característica de estarem completamente livres de pigmentação e, por isso, podem ser facilmente manchadas, devendo ser inseridas em uma única composição. As outras espécies podem ser encontradas em todos os tons de rosa e ciclâmen, elegantemente manchadas ou sólidas. Quanto à simbologia e linguagem das flores, podemos dizer que a orquídea é um emblema de luxúria e paixão, mas também da vida após a morte. A orquídea branca, por outro lado, é o símbolo da pureza, beleza terna e amor não contaminado. Por esse motivo, a orquídea branca é frequentemente usada para decorações de casamento. As composições que incluem orquídeas são elegantes e refinadas e podem ser feitas com flores frescas e artificiais. No primeiro caso, você terá que tomar cuidado para trocar a água diariamente, enquanto no segundo não há problemas específicos: algumas flores falsificadas, para sua perfeita execução, são capazes de igualar tudo em todas as reais e ter a vantagem de seja eterno no tempo. A seguir, veremos como fazer belas composições, para que, com pouco esforço, você possa dar ao ambiente um ar fresco e novo, dando às várias salas um toque extra que fará a diferença.

Composições de orquídeas em um vaso antigo



Esta flor se presta muito bem a ser colocada em quartos decorados com móveis antigos. O recipiente ideal, neste caso, é composto por elementos de estanho, como regadores antigos, caixas de biscoitos antigas ou vasos antigos de terracota ou mármore. Neste último caso, você terá que escolher o vaso antigo em uma cor e em uma forma que permita que a cor escolhida das orquídeas se destaque. Para um efeito harmonioso, é bom escolher as cores adjacentes encontradas na roda de cores, como um vaso roxo para flores rosa e um vaso azul para orquídeas brancas.
Selecione um prato cujo tamanho seja igual ou ligeiramente menor que o da orquídea para criar um efeito equilibrado que enfatize as flores. Organize as flores para que a forma do vaso, caules e flores crie um todo coerente, sem protrusões desnecessárias ou mudanças bruscas de tamanho ou forma. As flores que serão inseridas serão de látex, para que durem com o tempo. No fundo do vaso, a espuma de látex será colocada e, em seguida, as várias flores serão inseridas, prestando atenção às proporções e não excedendo o número, para evitar um efeito de sobrecarga. A última operação é amarrar as hastes com uma fita de cetim macia para adicionar um toque de luz extra, a ser escolhido em tons pastel.

Composições de várias variedades de orquídeas



Para essas composições, você precisará de três orquídeas ciclâmen, seis rosa e nove brancas, além de longos fios de grama. O recipiente ideal é feito de vidro, para realçar a variedade cromática e a forma alongada, adequada ao caule da flor. Após a colocação da espuma floral no fundo do vaso, as três orquídeas ciclâmen serão inseridas no centro, de modo a constituir o ponto focal da composição. Posteriormente, ao redor deles, os cor-de-rosa e, finalmente, os brancos estarão disponíveis, o que deve resultar na parte externa da composição. Os espaços vazios devem então ser preenchidos com longos fios de grama verde brilhante, para um resultado final extremamente natural. Como o vaso é transparente, a espuma de látex fica oculta deslizando pequenas bolas ou pedrinhas coloridas nele. As orquídeas assim dispostas ficarão bem em uma sala de estar, como uma peça central ou colocada em uma mesa baixa, para criar um canto agradável e decorativo.

Uma composição para a peça central



Para fazer uma bela peça central, você terá que pegar uma cesta com lados bastante altos e uma textura grossa, para criar um bom contraste com a delicadeza das orquídeas. A espuma de látex será colocada no fundo, fixando-a com um pouco de cola quente. No centro deste, colocaremos orquídeas brancas, melhor em números ímpares. Ao lado deles serão colocadas outras flores complementares com haste longa, como tulipas coloridas ou glicínias violetas. Para dar caráter, adicionaremos fios de grama ou canas de bambu finas. A cesta ficará ótima se for cercada por um laço ou fita de cetim que termine com um laço macio. Este tipo de composição é mais adequado tanto em um ambiente moderno quanto tradicional, proporcionando um fascínio verdadeiramente especial e único.

Composição das orquídeas: Manutenção


A manutenção dessas composições é realmente simples, porque todas são feitas com flores artificiais. Basta espaná-los gentilmente com um pano limpo, conforme necessário, tendo em mente que detergentes não devem ser usados. Também não é recomendado o uso do secador de cabelo para remover a poeira, pois esse tipo de flor possui pétalas e folhas muito pequenas, que podem entrar em contato com o jato de ar, mesmo que de baixa intensidade.